Alto da Cerca (Valpaços, Portugal): um assentamento militar romano na Serra da Padrela e sua relação com o distrito mineiro de Tresminas

  • João Fonte
  • José Manuel Costa-García
Keywords: Exército Romano, fotogrametria, padrões de assentamento, povoados fortificados da Idade do Ferro, mineração aurífera romana

Abstract

Pretendemos com este trabalho dar a conhecer um possível assentamento militar romano localizado na vertente Oriental da serra da Padrela: o Alto da Cerca (Valpaços, Portugal). O uso de uma metodologia não-invasiva permitiunos caracterizar arqueologicamente este sítio e diferenciá-lo em relação à rede de povoamento local. Tendo em consideração que o exército romano estaria directamente envolvido em tarefas de controlo e proteção das zonas mineiras, mas também com questões logísticas e técnico-administrativas de planificação, administração e organização territorial, procuramos contextualizar este assentamento em relação ao distrito mineiro romano de Tresminas.

Alto da Cerca (Valpaços, Portugal): a Roman military settlement in the Padrela Mountain and its relation to the mining district of Tresminas - In this work, we study a possible Roman military settlement located on the eastern slope of the Padrela Mountain, named Alto da Cerca (Valpaços, Portugal). The use of a non-invasive methodology allowed us to characterise the site archaeologically and to differentiate it in relation to the local settlement network. Considering that the Roman army was directly involved in control tasks and protection of mining areas, but also in logistical issues and technical and administrative planning, as well as administration and territorial organization, we seek to contextualize the settlement in relation to the Roman mining district of Tresminas.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2016-12-21
How to Cite
Fonte, J., & Costa-García, J. M. (2016). Alto da Cerca (Valpaços, Portugal): um assentamento militar romano na Serra da Padrela e sua relação com o distrito mineiro de Tresminas. Estudos Do Quaternário / Quaternary Studies, (15), 39-58. https://doi.org/10.30893/eq.v0i15.132
Section
Articles