Estudo carpológico do Castro de São Lourenço (Esposende, Noroeste de Portugal): primeiros resultados

  • João Pedro Tereso
  • Ana Almeida
  • Carlos Brochado de Almeida
  • Pablo Ramil Rego
  • Filipe Costa Vaz
  • Rubim Almeida da Silva
Keywords: São Lourenço, Período romano, Carpologia, Agricultura

Abstract

Durante a campanha de escavação que decorreu no Castro de São Lourenço, em 2008, foram recolhidasamostras sedimentares em três quadrículas do Sector D, junto à muralha, em níveis romanos do século IV.Um estudo carpológico permitiu identificar três cultivos: o trigo de grão nu (Triticum aestivum/durum), omilho-miúdo (Panicum miliaceum) e, provavelmente, o milho painço (Setaria cf. italica). O milho-miúdoé a espécie mais abundante e a única que surge em todas as amostras.O milho e o trigo de grão nu apresentam diferentes características, o que potenciaria a optimização dediferentes áreas do território do povoado. Os três cultivos eram frequentes no noroeste peninsular durantea época romana.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2010-12-21
How to Cite
Tereso, J. P., Almeida, A., Brochado de Almeida, C., Ramil Rego, P., Costa Vaz, F., & Almeida da Silva, R. (2010). Estudo carpológico do Castro de São Lourenço (Esposende, Noroeste de Portugal): primeiros resultados. Estudos Do Quaternário / Quaternary Studies, (6), 67-73. https://doi.org/10.30893/eq.v0i6.75
Section
Articles